"tem mais presença em mim o que me falta (Manuel de Barros)"

27 de jan de 2016

É difícil fazer alguém feliz, assim como é fácil fazer triste.
É difícil dizer eu te amo, assim como é fácil não dizer nada
É difícil valorizar um amor, assim como é fácil perdê-lo para sempre.
É difícil agradecer pelo dia de hoje, assim como é fácil viver mais um dia.
É difícil enxergar o que a vida traz de bom, assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.
É difícil se convencer de que se é feliz, assim como é fácil achar que sempre falta algo.
É difícil fazer alguém sorrir, assim como é fácil fazer chorar.
É difícil colocar-se no lugar de alguém, assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.
Se você errou, peça desculpas…
É difícil pedir perdão? Mas quem disse que é fácil ser perdoado?
Se alguém errou com você, perdoa-o…
É difícil perdoar? Mas quem disse que é fácil se arrepender?
Se você sente algo, diga…
É difícil se abrir? Mas quem disse que é fácil encontrar alguém que queira escutar?
Se alguém reclama de você, ouça…
É difícil ouvir certas coisas? Mas quem disse que é fácil ouvir você?
Se alguém te ama, ame-o…
É difícil entregar-se? Mas quem disse que é fácil ser feliz?
Nem tudo é fácil na vida…Mas, com certeza, nada é impossível.
Precisamos acreditar, ter fé e lutar para que não apenas sonhemos, mas também tornemos todos esses desejos, realidade!


Clarice Lispector

21 de out de 2015

sobre você

E assim você é...

Suave feito feito andorinha pousando na areia
mordida em fruta madura
como orvalho fino na flor...

Suave... Como melodia do Tom
brisa leve d' uma noite ao luar
sussurro no ouvido...
como passos dados pra não despertar

Suave...Como acordar de bom humor
rolar no edredon, sentir cheiro de café
e na ponta dos dedos, o carinho do grande amor...

28 de mai de 2015

Reação

É engraçado como reajo a você.
Sinto sua falta ao seu lado
Vontade de penetrar em seus olhos
Saudades do que ainda nem vivemos.

Isso pode ser devido ao fato de eu ser
Como você diz
"Impulsiva"
Eu prefiro "urgente"
Ou, melhor: viva!

Isso deve-se ao fato de eu te querer sem precedentes
Desse nosso encontro "coincidente"
Que me garante a melhor e mais aflita falta de ar
Suor nas mãos
Peito retumbante
E olhos de criança.

Radiante.

25 de mai de 2015

AGORA!

Sou agora
sou urgente
sou pra ontem
sou quente
hora fogo...e paixão
haja gozo...e tesão
volátil, queimo fácil
pavio curto, sabe como é...
abusada, não tolero migalha
Não me entedie.
Apenas me ouse, use...desafie!

Prove, eu sou doce feito pimenta.
Te provo... posso ser o seu melhor paladar.

14 de mai de 2015

Bálsamo

Nem toda tristeza chora
Nem todo sorriso é feliz
Nem todo vinho embebeda
Nem toda noite é escura
Nem toda solidão é só
Nem toda angústia dura

Mas só seu abraço cura.

13 de mai de 2015

Palavra-chave

É impressionante como eu lembro daquela manhã.
depois de um dia quente, muito quente, 
veio uma manhã cinza. Anunciando o inverno.
era tão cinza... Não estava mais acostumada àquela paisagem.

Saí à rua. 
Transito. Hora. Taxi. Frio. Cigarro. Hora. Pressa. Cinema. Escuro. 

Você.

Você.

Passo a passo lembro da minha longa caminhada ao seu encontro.
Algo, além do óbvio, me puxava pra você. 
Algo, além do presente, me lembrava você.

Nada era novo e nos apresentamos.
Velhas conhecidas que dizem "prazer".
"Prazer"... a gente viria a saber o que isso significara.

Cinema, Silêncio. Trabalho. Cinema. Pipoca. Fila. Problemas. Escuro

Você.

A todo instante me pegava te observando, sem mais nem porquê.
E me cobrava, me perguntava: "por que tanto observa uma estranha?"
Na hora, eu mesma tinha duas respostas: "que estranha?". "isso é pecado"

"Pecado"... a gente - também- viria a saber o que isso significara.

Cinema. Signo. Lua. Sagitário. Marte. Áries. "Seu Tipo". Coincidência. Coincidência?

Nada mais foi igual. Um dia inteiro, que virou um segundo.
"Quase um segundo..."
Meu tipo... Um almoço, meu paladar.
Um curta, uma longa história por vir...
Falta de ar. Respiração....

Agosto. Viagem. Europa. NY. Ida. Volta. Lembranças. Reencontro.

Léguas nos separaram.
Continentes, até... e pra quê?
Duas almas ali, se encontrando às escondidas de suas donas.
Fugindo no escuro, no espaço e indo buscar o infinito... 
O que nunca aconteceu.
O que sempre aconteceu.

Distância. Desculpas. Manhã. Café. Esquiva. Tentação. Tarot. Início. Cármico.

O desenho se traçava, 
cada vez mais o destino estava à direita. Cada vez mais a vida batia em nossa porta
Em nossa cara...
Não demorou. O cara-a-cara.

Cozinha. Água. Fogo. " E meu beijo?". Carro. Trânsito. Música. Implicância. Indireta. Tesão

Assim, rápido feito flecha.
Nada perdida! Achada e na direção exata dos nossos corações
O errado, cada vez mais parecia certo.
O pecado, cada vez mais merecia perdão
O desejo, cada vez mais, superava a razão.

Mercado. Vinho. Pizza. Carro. 22:22. Beijo . Medo. Riso. Nervoso.

Roubei...Desculpa, não resisti!
Beijo torto, uma fração de segundo que mudaria minha vida.
Mudou... Ali, mudou, da água pro vinho... (literalmente)

Culpa. Chopp. Desculpa. Marmita. Fim.

FIM

Deu um medo imenso do nosso fim. Afinal, você era só negação
Mas o fim foi outro. Eu tive que dar fim.
Eu precisava enfrentar sua negação com a minha certeza
E fui certeira.

Dezembro. Verão. Calor. Ferveu. Treze. Anjo. Quedinha. Abismo. Começo.


CONTINUA...

10 de mai de 2015

camisa de força

Se ser louco é amar sem medo
Me ponha amarrada
-com as mãos para trás-
Pra que eu não corra o risco de largar minha loucura.

3 de mai de 2015

alguma coisa de nós. parte1

NÓS:

nada é novo, tudo é de novo.

Nossas sensações se confundem entre o déjà vú e o inédito.

Impressionante disparo de coração quando você está prestes a chegar...
A entrar...de novo, como se fosse primeira vez.
Intenso aperto no peito quando você se vai...
Dá uma saudade. Dói, como se corresse o risco de não voltar.
Aflito olhar quando você some e se confunde em meio a multidão
E certeza absoluta de onde você está.

Parece tão pouco tempo pra tanto querer  bem
E parece tão pouco sentimento pra "tanto tempo".

O tempo...
Tempo que voa quando nos seus braços
E pára quando nos seus olhos.
Que será nosso eterno aliado
E que já transcendemos.



2 de mai de 2015

Meu sonho real

Vejo você e parece sonho...
porque, por ser tão real e mágico,
tendo a me beliscar, vez em quando.

Não há nada no mundo como o nosso olho-no-olho
Quase uma viagem astral
Uma paz que bagunça tudo por dentro
Sensação de  "mundo parar"
Independente de quantas horas possam passar

Te escrevo no papel o que já está tatuado na minha alma:
que és dona das minhas horas, dos meu melhores sorrisos
meus mais profundos sussurros, meus arrepios, meus melhores sonhos 
Meu destino...

Ser feliz assim até assusta!

Se agora nós já somos...
Imagina como seremos!?

12 de mar de 2015

Resposta

Um dia eu disse ao universo que queria mais vida.
Disse a ele que queria sorrir de verdade,
ser leve como pipa que voa, colorindo o céu.
Disse, também, que queria queria ter sorte
Queria ser forte sem perder a ternura...
Um dia, contei a ele, minha vontade de me apaixonar, 
amar, ser eu, sendo outra- que um dia fora-
Falei da minha vontade de querer 
Vibrar
Gozar e
Brindar a vida!
Como se cada dia fosse um Ano Novo
Um reveillón regado à fogos de felicidade e chuvas de eternidade!

Veio um recado de la: tenha fé... Vai acontecer!

Eu, atenta a todos o sinais da vida, acreditei.
Mergulhei nessa vontade, olhei nos olhos dela e disse:

 consegui, agora sou!